+55 11 3865 8319 contato@lucianogibran.com.br

 Tratamento Cínico: Controle com medicação

A primeira coisa que se deve esclarecer é que não existe tratamento medicamentoso para endometriose. Tratar significa erradicar a doença e isso a medicação não consegue fazer. Ela funciona com um propósito somente: melhorar os sintomas da endometriose. Não há qualquer remédio que, prescrito para a paciente, a faça deixar de ter a doença. Cerca de 70% das pacientes medicadas apresentam alívio dos sintomas. No entanto, caso a medicação seja suspensa, todos sintomas retornam e permanecem prejudicando a qualidade de vida da portadora da doença.

Cirurgia Endometriose

Quando considerar o tratamento medicamentoso

Os medicamentos podem ser, entre outros: progesteronas isoladas, pílulas anticoncepcionais combinadas, análogos do GNRH ou DIU de levonogestrel.

O tratamento por via medicamentosa deve ser considerado para mulheres que não desejam engravidar, já que todos os medicamentos são hormonais e têm ação anticoncepcional, pois inibem a ação do endométrio – onde o óvulo fecundado se instala. Nesse grupo se encontram:

  • Mulheres em idade fértil que não tiveram filhos e não possuem desejo reprodutivo
  • Pacientes adolescentes, como elucidado aqui 
  • Mulheres que já tiveram filhos e que não desejam mais engravidar.

É importante salientar que qualquer um dos medicamentos pode ocasionar efeitos colaterais, como dores de cabeça, inchaço, acne, entre outros. A escolha deve ser feita pela paciente com base na adaptação e capacidade de adesão ao tratamento, ou mesmo a opção pela cirurgia, para abolir a medicação. Mesmo com o alívio dos sintomas, as pacientes devem realizar exames regulares para controlar a progressão da doença.